Archive for Agosto, 2008

h1

Orquídeas | Bee orchids

15 Agosto, 2008

Apresentamos nesta edição duas orquídeas do género Ophrys, aquelas cujas flores configuram insectos. Uma era conhecida por Ophrys ciliata e a outra por Ophrys vernixia.

Recentemente passaram a ser, respectivamente, Ophrys speculum subsp. speculum e Ophrys speculum subsp. lusitanica. A primeira tinha o designativo “ciliata”, porque apenas se lhe conhece um insecto polinizador, a vespa Campsoscolia ciliata.

1 – OPHRYS SPECULUM SUBSP. SPECULUM

A relação entre o insecto e a orquídea foi descoberta em 1916 no Norte de África e tem sido um dos casos mais estudados da polinização através da chamada pseudocópula. Posteriormente veio-se a descobrir que a flor além de imitar a forma do insecto segrega odores, as feromonas sexuais, idênticas às da fêmea da vespa. Isto até parece ficção. Para acentuar o efeito de toda a artimanha convém referir que os machos da vespa nascem antes das fêmeas pelo que há um período de tempo em que todo o instinto reprodutivo se concentra na orquídea. Speculum em latim significa espelho ou imagem. De facto o labelo azul de ambas as subespécies é altamente reflector assemelhando-se neste aspecto a um espelho. Também ambas têm áreas de distribuição mediterrânica. A O. speculum subsp. speculum está muito mais disseminada podendo ser encontrada desde Portugal até algumas ilhas da Grécia. Está protegida em toda a França. A O. speculum subsp. lusitanica tem a sua área de distribuição limitada à Península Ibérica e em Espanha apenas foi referenciada nas províncias de Córdoba e Málaga.

2 – OPHRYS SPECULUM SUBSP. LUSITANICA

Nem uma nem outra são consideradas orquídeas raras. Mas sendo a subespécie lusitanica principalmente portuguesa não mereceria ser protegida, ao menos por lei? Claro, estou a ser um sonhador. Se nem as espécies raras são protegidas…

h1

Miradouros

1 Agosto, 2008
Clique nas Fotos

1 – MIRADOURO TURÍSTICO

2 – MIRADOURO MATERNAL

%d bloggers like this: