h1

Orquídea | Orchid – Orchis mascula

15 Novembro, 2009

A etimologia desta orquídea, mascula, do latim “masculus”, ou seja, macho, viril,  tem origem no aspecto das suas partes subterrâneas o qual é reforçado pela configuração fálica e postura do esporão de muitas flores.

É uma das orquídeas mais comuns de Portugal. Encontra-se em todo o território continental com excepção de uma área mais ou menos coincidente com o Douro Litoral. Em Espanha apenas não existem registos da sua presença na região da Corunha. Globalmente a sua área de distribuição abrange toda a Europa e estende-se pelo NW de África e W da Ásia. Esta ampla disseminação deve-se ao facto de germinar numa grande variedade de solos sendo, no entanto, mais frequente em terrenos calcários. A espécie está legalmente protegida na Bélgica e no Luxemburgo.

Entre nós é vulgarmente conhecida por Escroto-canino, Pata-de-lobo, Salepeira-maior e Satírião-macho. Os ingleses chamam-lhe, simplesmente, Early-purple orchid. Os franceses além de Orchis mâle dão-lhe nomes curiosos: Pentecôte, Soupe-à-vin e Mâle-fou. Para os nossos vizinhos é Cañamón, Sangre-de-Cristo, Satirión macho,etc.

Alguns especialistas consideram que a espécie é constituída por quatro subespécies das quais só duas existem em Portugal: a O. mascula subsp. mascula e a O. mascula subsp. olbiensis. Nesta a inflorescência é menos densa variando o número de flores entre 6 e 15. Naquela o número de flores é maior que 15 podendo chegar às 50. Outros especialistas consideram que a “olbiensis” é uma espécie independente da “mascula”. Para um terceiro grupo, e esta parece ser a mais recente tendência, não existem subespécies.

As flores são de cor vermelha-púrpura ou violáceas e, por vezes, rosadas ou brancas. A variedade de flores brancas é a mais rara e tem origem numa anomalia da pigmentação conhecida por hipocromia. Os botânicos não atribuem a este fenómeno relevância taxonómica classificando-o como variedade na forma albiflora.

09.11.15.01 O.mascula

O. mascula

09.11.15.02 Duas O.mascula

O. mascula

09.11.15.03-O.mascula

O. mascula

09.11.15.04-O.mascula

O. mascula

09.11.15.06-O.olbiensis

O. olbiensis

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: