Archive for the ‘Analogias e Contrastes’ Category

h1

Padrões, texturas e outras arquitecturas III | Patterns, textures and other architectures III

15 Setembro, 2011

Nesta série de quatro imagens apresentamos contruções recentes,ou relativamente recentes,destinadas à actividade comercial e industrial. Qualquer delas foi captada a partir do rio Tejo para a sua margem direita a jusante da Póvoa de Sta. Iria.Estas construções pelas suas características, quer de cor quer de forma ou conjugação de formas,
ressaltam da paisagem em que se encontram inseridas.

 

 


 

 

 

 

h1

FloraVisão III | FloraVision III

15 Novembro, 2010

FloraPaixão 1

FloraPaixão 2

FloraPaixão 3

h1

FloraVisão II | FloraVision II

15 Agosto, 2010

Os elementos da flora em que materializam as semelhança são, respectivamente: uma camélia,um tronco de oliveira e um botão da flor de agapanto.

Floramamária

Florajavardo

Floraflamingo

h1

FloraVisão I | FloraVision I

15 Maio, 2010

Alfred Stieglitz (1864–1946), Americano, fotógrafo. Um homem empreendedor e de grande dinamismo que se bateu duramente para que a fotografia fosse aceite como arte. Nos últimos anos do sec. XIX e nos primeiros do sec XX pertenceu aos mais importantes movimentos que alteraram o modo de ver e fazer fotografia. Foi um dos expoentes máximos do Pictorialismo, depois co-fundador da Photo-Secession e, mais tarde, defensor acérrimo da “straight photography”. Ele e o seu amigo Steichen (1890 – 1973) dominaram o mundo da fotografia no primeiro quartel do sec. XX durante o qual também promoveram a difusão da pintura e escultura europeias na América do Norte. A Stieglitz se deve, e de certo modo também a Steichen, a que é ainda hoje considerada uma das melhores revistas de fotografia de todos os tempos, a Camera Work (1903 – 1917)*.

Depois da 1ª Grande Guerra, no Verão de 1922, na sua casa de campo junto ao Lago Jorge (Lake George) Stieglitz começou a fotografar nuvens a que deu o nome de “Music: A Sequence of Ten Cloud Photographs”. No ano seguinte repetiu o trabalho e deu à série o nome de “Songs of the sky”.

Depois, em 1925, talvez influenciado pela obra de Kandinsky, “On the Spiritual in Art”, passou a designar as suas fotografias de nuvens por Equivalentes. As nuvens deixaram de ser meras abstracções ou simples jogos de formas. Acima de tudo elas passaram a ser ideias, símbolos com valor espiritual. É curioso notar que por esta altura ele fotografava obsessivamente a sua mulher, a pintora Georgia O´Keeffe e certamente não houve apenas motivos espirituais para as fazer.Talvez por isso não receberam o nome de Equivalentes.

As fotografias que aqui apresentamos também não são Equivalentes, porque em quase todas lhes falta o cariz espiritual. Pelo facto de se manterem ligadas à forma a maioria delas apenas revela analogia ou semelhança. Nestes casos o que se vê é um indivíduo do reino vegetal que, por um acaso da mãe Natureza ou por efeito de uma acção deliberada do fotógrafo, se assemelha a um indivíduo do reino animal. Mas noutros casos o que se pretende salientar é a essência cromática das folhas, das flores e das plantas ou tão só um pormenor. Os aspectos cromáticos revelam-se muitas vezes em movimentos de visões abstractas da flora e do meio envolvente.

*Em 2008 nas comemorações do seu 25º Aniversário a editora TASCHEN reuniu em livro uma edição especial com o título “Camera Work” onde podemos admirar todas as fotografias dos 50 números da revista.

Obsv. – Na penúltima imagem os olhos,o nariz e a boca foram colocados via Photoshop.

h1

Ver ou não ver | To see or not to see

15 Fevereiro, 2009

“To be or not to be – that is the question.
To see or not to see – that is an answer”
Ernst Haas

No passado mês de Setembro assisti pela primeira vez à emissão de um espectáculo de televisão. Espectáculo emitido em directo a partir de um recinto ao ar livre da empresa Bacalhoa Vinhos em Azeitão. Como tinha comigo o equipamento fotográfico resolvi fazer uma reportagem fotográfica.D e um conjunto de 48 fotografias escolhi estas 4 sob o tema comum “Analogias e Contrastes”.

0501-analogias-e-contrastes-01

I – Analogias e Contrastes

0502-analogias-e-contrastes-02

II – Analogias e Contrastes

0503-analogias-e-contrastes-03

III – Analogias e Contrastes

0504-analogias-e-contrastes-04

IV – Analogias e Contrastes

%d bloggers like this: